André Marcílio
Jean Charnaux
Mônica Salmaso
Guinga
Cainã Cavalcante
Conrado Paulino
Marcus Tardelli
Zé Paulo Becker
Josué Costa
Wellington Torres
Orquestra de Violões de Teresina
Paulo Martelli

O Festival de Violão de Teresina é um dos mais importantes do país. Em 2019, serão quatro dias de atividades e, pela primeira vez, teremos na abertura violão e canto, com o recital de Guinga e de Mônica Salmaso, dona de uma voz belíssima e afinação primorosa. O evento cumpre o objetivo de promover e aperfeiçoar a formação musical dos estudantes de violão ao oferecer, gratuitamente, cursos, workshops e masterclasses com violonistas consagrados como Cainã Cavalcante, Conrado Paulino, Jean Charnaux, Josué Costa, Marcus Tardelli, Paulo Martelli, Zé Paulo Becker e reunir artistas de várias regiões do Brasil e do mundo, propiciando o debate e a troca de experiências. Esta terceira edição tem o apoio da Prefeitura, por meio da Fundação de Cultura Monsenhor Chaves, e do Grupo Carvalho.

Programa

1 de Agosto (Quinta)

Teatro 4 de setembro

19:00

Cerimônia de Abertura

19:30

Orquestra de Violões de Teresina

20:10

Guinga, Mônica Salmaso e Jean Charnaux

2 de Agosto (Sexta)

Oficina da Palavra

11:00

Semifinal do II Concurso de Violão

Palácio da Música

19:00

Wellington Torres

19:30

André Marcílio

20:10

Paulo Martelli

3 de Agosto (Sábado)

Oficina da Palavra

11:00

Semifinal do II Concurso de Violão

Palácio da Música

19:30

Josué Costa

20:10

Marcus Tardelli

4 de Agosto (Domingo)

Palácio da Música

11:00

Final do II Concurso de Violão

19:00

Cerimônia de encerramento

19:30

Zé Paulo Becker e Cainã Cavalcante

20:10

Conrado Paulino e convidados

Cursos, Masterclass, Workshops

2 de Agosto (Sexta)

Oficina da Palavra

08:30 às 10:30

Curso com o Prof. Conrado Paulino

14:00 às 16:00

Curso com o Prof. Conrado Paulino

Palácio da Música

16:30 às 18:00

Workshop com Guinga e Jean Charnaux

3 de Agosto (Sábado)

Oficina da Palavra

08:30 às 10:30

Curso com o Prof. Conrado Paulino

14:00 às 16:00

Curso com o Prof. Conrado Paulino

Palácio da Música

16:30 às 17:30

Workshop com Zé Paulo Becker

4 de Agosto (Domingo)

Palácio da Música

08:30 às 10:30

Masterclass com Marcus Tardelli

15:00 às 17:00

Masterclass com Paulo Martelli

Endereços

Oficina da Palavra

R. Benjamin Constant, 1400, Centro (Norte)

Palácio da Música

R. Santa Luzia, 1241, Sul, Centro (Sul)

Teatro 4 de setembro

Praça Pedro II, 14, Centro (Sul)

Concurso

Como parte das atividades do festival, temos agora o II Concurso de Violão de Teresina. O valor dos prêmios em dinheiro é superior ao da primeira edição, ocorrida ano passado. Desta vez, o vencedor em primeiro lugar vai receber R$ 3 mil, mais a participação no IV Festival de Violão de Teresina, que deverá ocorrer em 2020, incluídas as despesas com hospedagem, passagens aéreas, alimentação e cachê, com valor a ser definido pela coordenação do Festival. O segundo e o terceiro colocados do concurso ganharão R$ 2 mil e R$ 1 mil, respectivamente.

São 12 os violonistas selecionados para participar da semifinal. Assim como ocorreu na edição anterior no ano passado, a banca julgadora decidiu ampliar o número de semifinalistas, prevista para 10 vagas. A partir de agora, as provas serão presenciais e vão ocorrer nos dias 02 e 03 de agosto, às 11 horas, no auditório da Oficina da Palavra (Rua Benjamin Constant, nº 1.400), no centro de Teresina. As audições fazem parte do III Festival de Violão de Teresina, que ocorre de 01 a 04 de agosto.

Os 12 semifinalista são oriundos do Nordeste (Bahia, Rio Grande do Norte, Piauí, Paraíba), Sudeste (São Paulo e Minas Gerais), Centro-Oeste (Goiás e Mato Grosso do Sul) e Sul (Rio Grande do Sul e Santa Catarina).

Na prova, cada semifinalista deverá tocar uma ou mais obras de livre escolha e a peça de confronto, com duração total de até 12 minutos. Durante a semifinal, serão selecionados até seis candidatos para a fase final com as maiores notas atribuídas de 1 a 10, a critério da banca julgadora.

A final, no dia 04 de agosto, começa às 11h e será no Palácio da Música - aberta ao público. As obras são de livre escolha e a duração é de até 15 minutos. O resultado vai ser divulgado na cerimônia de encerramento do festival, às 19h. Os três primeiros colocados recebem premiação no valor de R$ 3 mil, R$ 2 mil e R$ 1 mil, respectivamente.

Neste ano, as inscrições para o concurso foram gratuitas e ocorreram de 11 a 30 de junho. Podem participar candidatos de qualquer idade ou nacionalidade, tocando obras de livre escolha. Basta enviar o link do youtube com um vídeo (sem cortes e sem edição) de no mínimo dez e no máximo 12 minutos, contendo uma ou mais peças de sua livre escolha. É necessário também enviar fotocópia da carteira de identidade (ou outro documento válido), um breve currículo e a ficha de inscrição devidamente preenchida, que se encontra no final do regulamento.

Baixe o PDF do regulamento aqui.
 
Para o curador e diretor artístico do Festival de Violão de Teresina, Josué Costa, esse concurso de interpretação busca estimular e valorizar os estudos e práticas de violonistas da nova geração, com alto nível técnico e musical, incentivando a formação de novos concertistas e abrindo portas para uma perspectiva de desenvolvimento musical em âmbito local e nacional.

Contato

Participe do festival, acompanhe as etapas do concurso e confira as novidades. Para qualquer dúvida, entre em contato conosco.

teresinafestivaldeviolao@gmail.com

(86) 3215-7848 / (86) 9489-4900

Sobre

Desde 2017, o Festival de Violão de Teresina reúne anualmente estudantes, professores, compositores e grandes instrumentistas brasileiros. Esta iniciativa confirma a tradição da cidade em promover a cultura musical e a troca de experiências entre as diversas regiões do país. As atividades programadas oferecem aos participantes a possibilidade de aprimorar seus conhecimentos sobre os diversos aspectos teóricos e práticos que envolvem o estudo do violão. Tudo isso permeado pela história. Uma história viva, que mostra a obra de pioneiros, de grandes criadores e revolucionários e o vigor dos artistas que estão inventando novos caminhos e modos de pensar o instrumento.

Teresina é um grande polo do violão e mostra sua generosidade ao abrir as portas de suas instituições para acolher a população em recitais abertos, que fortalecem e criam novas plateias. Assim, a cidade promove, estimula e refina o gosto de seu povo pela música e desperta nas crianças que circulam livremente nos dias de encontro o amor pela arte, tão importante para o desenvolvimento das potencialidades de cada uma. 

A produção do Festival é coordenada por Ravi Cordeiro e a direção artística é de Josué Costa. A curadoria tem o apoio de Alessandro Soares, criador e diretor do Acervo Digital do Violão Brasileiro. Durante o ano, em incontáveis mensagens e telefonemas, o trio vai desenhando o que acontecerá nesse grande evento realizado no nordeste do Brasil. Uma breve história O I Festival de Violão de Teresina foi realizado em novembro de 2017. O elenco contou com a participação de Marco Pereira, Elodie Bouny, Alessandro Penezzi, Daniel Murray, Antonio José Rodrigues (Luthier), Felipe Vilarinho, Damião Bezerra, Wellington Torres e a Orquestra de Violões de Corrente e Teresina. O sucesso do evento, amplamente participativo e de excelente qualidade técnica, sinalizava desde então que ele veio para ficar, para crescer, para agregar.  

A segunda edição ocorreu setembro de 2018. Participaram Yamandu Costa, o Duo Siqueira Lima, Ulisses Rocha, Rogério Caetano, Nonato Luiz, Cristiano Braga, Edson Figueiredo, Josué Costa, Wellington Torres, o boliviano Fabrício Gallegos Rojas e a Orquestra de Violões de Teresina. Nesta edição foi realizado o I Concurso de Violão, que teve como vencedores: André Marcílio (Cuiabá), Bruno Duarte (Porto Alegre) e Waldir Júnior (São Paulo) - 1º, 2º e 3º lugar, respectivamente. O violonista Gabriel Maron (Salto/SP) recebeu menção honrosa.

Em 2019, o III Festival de Violão de Teresina, a ser realizada no início de agosto, foi incorporada às festividades de comemoração do aniversário da cidade. Ampliada para quatro dias, a programação tem como uma das novidades o show da cantora Mônica Salmaso no recital de abertura, acompanhada pelo violonista Guinga. Também fazem parte do elenco Marcus Tardelli, Paulo Martelli, Zé Paulo Becker, Cainã Cavalcante, Conrado Paulino, Jean Charnaux, Josué Costa, Wellington Torres, André Marcílio e a Orquestra de Violões de Teresina. 

A realização deste festival, que hoje é um dos maiores do Brasil, somente tem sido possível graças aos apoios institucionais e à dedicação de inúmeras pessoas que atuam nos bastidores do projeto, desde a busca de recursos, às providências necessárias à sua execução. Isso inclui atividades que embora não constem dos relatórios são fundamentais, a exemplo do transporte solidário nos dias do evento e do empenho para a resolução de situações imprevistas. Tudo isso faz com que o final de cada noite seja regado a boas conversas, risadas, abraços e a promessa de que todos estarão juntos no ano seguinte.

Participe você também dessa festa.