Voltar

Amigos presenteiam Alexandre Ribeiro com show no Auditório Ibirapuera

Postado em Shows em 16/08/2018

Por Rosualdo Rodrigues

O clarinetista e compositor paulista Alexandre Ribeiro, que completou 36 anos no último dia 12, receberá um grande presente dos amigos nesta sexta-feira (17/8), no Auditório Ibirapuera, às 21 horas. Vão passar pelo palco Yamandu Costa (violão de sete cordas), Marco Pereira (violão), Paulo Bellinati (violão aço), Swami Jr. (violão de sete cordas), Toninho Ferragutti (acordeom), Bebê Kramer (acordeom), Nailor Proveta (clarinete), Zé Alexandre Carvalho (contrabaixo) e Roberto Angerosa (percussão).

As cantoras Verônica Ferriani e Fabiana Cozza também participam da noite, que contará ainda com participação do Grupo Luceros, de dança flamenca. Alê estará lá, mas vai ficar somente na plateia, por conta de problemas de saúde. A propósito, Um Abraço pro Alê foi pensado justamente para ajudar os custos do tratamento médico dele.

(Paulo Bellinati e Marco Pereira)

Idealizadora e produtora dessa homenagem, a diretora da gravadora Borandá, Gisella Gonçalves, define o show Um Abraço no Alê como uma celebração de amizade e de música. “O Alê está se recuperando, mas o tratamento médico sempre custa muito caro. Por isso perguntei a ele se poderia tomar uma iniciativa desse tipo e ele ficou feliz”, conta Gisela em depoimento ao Acervo. O dia 17 de agosto foi escolhido pela proximidade com o aniversário do músico e todos os convidados responderam prontamente com um sim.

Gisella frisa: “numa época tão difícil e cada vez mais árida de afeto e humanidade, é bom a gente ter essas oportunidades para exercitar a solidariedade, o afeto, a amizade. E celebrar a música da melhor qualidade, que é o que o Alê sempre faz”.

Para o violonista e arranjador Swami Jr, que produziu os dois primeiros discos do clarinetista -  Alexandre Ribeiro Quarteto (2014) e De Pé na Proa (2016), o show no Ibirapuera será muito especial. “Vamos saudar este imenso instrumentista, expoente da geração dele. Estaremos todos juntos numa noite em que a música vai ser soberana, formando um grande elo de amizade e de amor”, afirmou ao Acervo.

Paulo Bellinati nos antecipa um pouco da dinâmica do show. “Vamos fazer um monte de combinação em duos, trios e tocar todo mundo junto. Eu vou tocar com a Fabiana Cozza. O Marco Pereira vai tocar com a Verônica Ferriani. Ela vai encerrar com Ferragutti e o Marco, enfim... vai ser uma festa enorme em homenagem ao Alexandre Ribeiro, que é um clarinetista fantástico. A gente vai com alegria, coração enorme dar esse abraço gigante a ele”. 

Velhos e bons amigos
Todos os músicos que estarão no palco do Auditório do Ibirapuera são amigos de Alexandre Ribeiro e já tocaram com ele, em gravações ou em apresentações ao vivo. Em Um Abraço no Alê, eles vão se revezar em diferentes formações. No final, sobem todos juntos ao palco.

 “O repertório da apresentação é baseado no trabalho autoral de cada músico, além de composições do Alê e de outros artistas”, conta Toninho Ferragutti no release do evento divulgado pelo Itaú Cultural. “É um show entre pessoas que se admiram e admiram muito o trabalho do Alexandre”, complementa.

Ferragutti lembra que ele e Alexandre se conheceram há cerca de 10 anos trás. “Ele é um músico excepcional que veio da cidade de São Simão, no interior de São Paulo, para cá e, em pouco tempo, se tornou referência no clarinete não só como instrumentista, mas como intérprete e como criador de uma linguagem.”

(Fabianna Cozza)

De São Simão a São Paulo

E foi lá mesmo em São Simão (SP) que Alexandre Ribeiro começou a estudar música. Aos 14, já era clarinetista na Orquestra Sinfônica Jovem de Ribeirão Preto. Chegou à capital paulista com o diploma de bacharel em clarinete, obtido na Universidade Estadual Paulista (Unesp).

Das muitas parcerias que firmou na capital, uma das mais importantes foi com o violonista Alessandro Penezzi, com quem gravou os álbuns Cordas ao Vento e Ao Vivo na Bimhuis-Amsterdã. Atualmente, além de dar aulas no Projeto Guri, Alexandre Ribeiro integra os grupos Bico de Lacre, Chorando a Tempo e Ó do Borogodó. Em 2016, lançou o álbum solo Pé na Proa, pela Borandá.

(Nailor Proveta)

SERVIÇO

Show: UM ABRAÇO NO ALÊ

Dia 17/8 (sexta), 21h

Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

Ingressos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). 

Venda antecipada nos postos e no site do Ingresso Rápido e pelo telefone 11 4003 1212. Na bilheteria do Auditório Ibirapuera, somente sexta, a partir das 13h.