Voltar

25 Etudes Mélodiques et Progressives Op.60 de Carcassi - Cauã Canilha

2017

Instrumentistas: Cauã Canilha

Tags:

Título: Uma análise mecânica sobre os 25 Etudes Mélodiques et Progressivas Op.60 para violão, de Matteo Carcassi
Autor: Cauã Borges Canilha
Orientador: Edelton Gloeden 
Escola de Comunicações e Artes, USP
São Paulo, 2017
 
RESUMO: Este trabalho propõe uma análise sistemática das demandas mecânicas instrumentais básicas do violão, visando, assim, uma aquisição consciente de determinadas movimentações. A base teórica foi composta por autores que abordam questões essencialmente práticas do fazer instrumental do violão, destacando-se Abel Carlevaro e Eduardo Fernandez; este último diferencia claramente os termos mecânica e técnica, aspecto fundamental neste trabalho. As movimentações de cada mão são divididas entre horizontais (no sentido das cordas) e verticais (entre as cordas) e entre os aspectos mecânicos relacionados à localização das mãos no instrumento (chamados por nós de parâmetros e suas expansões) e os relacionados às referências ou movimentações auxiliares na mudança entre duas localizações (chamados de recursos). A partir da ordenação proposta e das notações desenvolvidas, concebemos uma sistemática de estudo, visando à aquisição de tais movimentos, aplicada nos 25 Etudes Mélodiques et Progressives Op.60, de Matteo Carcassi. Foram realizadas propostas de caráter vocabular e elementos pouco ou não debatidos foram tratados, fornecendo material para discussões futuras dentro do amplo campo temático da mecânica instrumental. A organização sistemática dos elementos mecânicos proposta, aplicados na obra de Carcassi, procurou uma maior eficiência no processo de aprendizagem, buscando melhorias em relação à efetividade técnica e à maior consciência das demandas instrumentais.