Linha do tempo

Aqui você encontra um panorama da história do violão no país, desde o tempo da colonização, passando pelo período do império, a Belle Epoque, os estilos da Era do Rádio, o Brasil moderno da bossa nova, o surgimento da MPB, o revigoramento do choro na década de 1970, a chegada do violão nas universidades brasileiras a partir dos anos 80, até o momento atual. O levantamento inédito é fruto da consulta dos mais antigos jornais e revistas e de entrevistas com familiares dos artistas.

1967

Após o triunfo de Turíbio Santos, é a vez de Sérgio Abreu vencer o Concurso de violão de Paris, promovido pela ORTF.

JUNHO
Dia 4 - O violonista Jodacil Damaceno se apresenta no programa Concertos Para a Juventude, transmitido pela TV Globo: interpreta (como solista) o Concerto em Ré Maior, de Vivaldi, com o acompanhamento musical da Orquestra Sinfônica Nacional da Rádio MEC, sob a regência de Alceu Bocchino.

OUTUBRO
Dia 1 - Nasce em Porto Alegre (Rio Grande do Sul) o violonista Daniel Wolff, o primeiro doutor em violão no Brasil.

NOVEMBRO
Dia 9 - Já reconhecido internacionalmente (com vários prêmios Grammy no currículo), o violonista Laurindo de Almeida se apresenta no Rio de Janeiro: é uma das principais atrações da Semana Villa Lobos, na qual interpreta o Concerto para Violão e Orquestra, de autoria do músico homenageado, acompanhado de orquestra sob a regência de Mário Tavares

Nos palcos cariocas
13 de maio - Recital do violonista Eduardo Abreu na Sala Cecilia Meireles.
29 de julho - Recital do violonista Sergio Abreu, no mesmo local.
3 de outubro - Recital do violonista Sebastião Tapajós na Associação Brasileira de Imprensa.