Linha do tempo

Aqui você encontra um panorama da história do violão no país, desde o tempo da colonização, passando pelo período do império, a Belle Epoque, os estilos da Era do Rádio, o Brasil moderno da bossa nova, o surgimento da MPB, o revigoramento do choro na década de 1970, a chegada do violão nas universidades brasileiras a partir dos anos 80, até o momento atual. O levantamento inédito é fruto da consulta dos mais antigos jornais e revistas e de entrevistas com familiares dos artistas.

1928

JUNHO
Dia 1º – O compositor e violonista Nicanor Teixeira nasce em Barra do Mendes (Bahia)

JULHO
Entre os dias 2 e 6 – Realiza-se o Salão de Arte da Feira de Amostras, no Rio de Janeiro, com série de apresentações de violonistas. O primeiro recital, no dia 2, é o de Brant Horta. No dia seguinte, é a vez de Yvonne Rebello da Silva e José Rebello da Silva. No dia 5, quem se apresenta é Gustavo Ribeiro.

SETEMBRO
Dia 8 – Morre em São Paulo Américo Jacobino (Canhoto).

DEZEMBRO
É lançado o primeiro número da revista O Violão.

Apresentações musicais
2 de julho – Concerto do violonista Gustavo Ribeiro no Instituto Nacional de Música, no Rio, com participação de Mozart Araújo (no segundo violão) e de Mário de Carvalho Araújo (canto).
5 de setembro – João Pernambuco, Rogério Guimarães e Lourival Montenegro apresentam solos de violão na Rádio Sociedade do Rio de Janeiro.
15 de setembro – Ocorre a Tarde do Violão no Theatro Lyrico, no Rio, com as participações de Rogério Guimarães e Lourival Montenegro.
23 de novembro – Realiza-se a festa de Luperce Miranda no Instituto Nacional de Música no Rio de Janeiro, com as presenças de João Pernambuco, José Augusto de Freitas e Jayme Florence.
18 de dezembro – Olga Praguer faz recital de canto e violão no Instituto Nacional de Música, no Rio.

DISCOS LANÇADOS EM 1928 (os mais representativos)
1) Prelúdio de Violão, de Rogério Guimarães - Odeon-10.107 a. Solo de violão pelo autor.
2) Atlântico – Tango de Rogério Guimarães - Odeon-10.107 b. Solo de violão pelo autor.
3) Campanha do Sul – Fox trot de Rogério Guimarães - Odeon- 10.148 b. Solo de violão pelo autor, com acompanhamento de Francisco Alves (violão)
4) Sílvia – Valsa lenta de Rogério Guimarães - Odeon- 10.149 a. Solo de violão pelo autor com acompanhamento de Francisco Alves (violão).
5) Pensamento – Romanza de Américo Jacomino - Odeon-10.165b. Solo de violão pelo autor.
6) Lamentos – Valsa de Américo Jacomino - Odeon-10.166 a. Solo de violão pelo autor, com acompanhamento de Lúcio Chameck ao piano.